Flash no Opera em Linux

Estava eu mais uma vez a navegar e o Iceweasel mais uma vez crashou. Já é habitual. De um computador com 256 Mb de RAM não se pode exigir muito…

Então pensei: porque não usar o Opera?

Ao fim de uns 20 minutos de navegação deparo-me com o meu primeiro problema: o flash.

Corri o instalador, tal como para instalar para o iceweasel, e qual não é o meu espanto quando vejo que simplesmente não se pode pôr a directoria.

Ao fim de um tempinho à procura pelas opções encontro uma onde vejo
que o Opera tem excelente funcionalidade de ser possível por várias directorias
onde estão os plugins. Foi só meter a directoria de plugins do Iceweasel
voilá!

Já tenho flash no Opera 😉

Agora vou explorar os widgets disto.

Anúncios

2 Respostas to “Flash no Opera em Linux”

  1. Joselito Says:

    coloca a dica aqui para os leigos como eu

  2. Joel Ramos Says:

    Já deixei o Opera outra vez 😀

    Mas a dica é, no menu está lá algo para escolheres a pasta de plugins e escolhes a pasta onde tens os plugins do firefox (isto se o tiveres instalado).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: